TEMER VAI PRESO QUANDO LAVA JATO PRECISA CRIAR FATO POLITICO

O juiz Marcelo Bretas, bolsonarista de carteirinha e que não pode ver um auxílio moradia que já vai “pegando” , mandou prender o ex-presidente Michel Temer e seu ex-ministro Moreira Franco. A acusação contra Temer e Moreira está ligada, como afirmou a imprensa, à delação de Lúcio Funaro, um operador do ex-presidente, homologada em 2017. Por quê a prisão não foi feita assim que Temer deixou a presidência em janeiro!?

Este atraso me pareceu providencial. A prisão ficou “esperando” um momento oportuno. Ou seja, agora, quando a Lava Jato precisa recuperar a credibilidade depois da tentativa de, ilegalmente, abocanhar R$ 2,5 bilhões, o momento propício apareceu. Inclusive para um espetáculo mediatico, como são todas as operações da Lava Jato. Mais: a prisão também é um recado aos políticos do MDB de outros partidos que foram próximos a Temer e que resistem em aprovar a impopular reforma da Previdência.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

%d blogueiros gostam disto: